sábado, 10 de outubro de 2009

EU QUERO ACREDITAR


Dia triste
Nuvens acinzentadas no céu
Coração angustiado
Lembranças do passado.

Recordações melancólicas
Quando comecei a me apaixonar por filmes de dança aos doze anos: Flashdance, Dirty dancing, Vem dançar comigo.
Chorei de soluçar semana passada ao ouvir what a feeling e recordar Jennifer Beals com suas indefectíveis polainas pretas, dançando ao som do grande sucesso de Irene Cara.
Vontade de sair no meio da rua dançando e gritando, lamentando a perda irreversível de um tempo de sonhos e encantos onde a estrada parecia infinita e todos os sonhos possíveis.

Eu escrevia histórias e acreditava que um dia elas seriam contadas para o mundo, e todos se apaixonariam pelas minhas fantasias.

Coloria meus dias e enchia meu coração com paixões platônicas e acreditava que um dia seria correspondido.

Desenhava vestidos de festa e brincava de estilista. Preparava e encenava monólogos pras aulas de português, todos admirados diziam que eu seria um grande ator, e eu acreditava.

Nesse dia frio, nostálgico, recordando o tempo da delicadeza, quando as borboletas ainda se preparavam pra sair do casulo, me questiono: será que ainda vale a pena acreditar?

As vezes a vida é tão arrastada.

Abaixo letra da música e clip do filme:

What a feeling...
(Que sentimento...)

No início, quando não há nada
Além de um sonho brilhando vagarosamente
Que seu medo parece esconder
Bem no fundo de sua mente
Completamente a sós eu chorei
Lágrimas silenciosas cheias de orgulho
Em um mundo feito de aço
Feito de pedra

Que sentimento...
Viver é acreditar
Eu posso ter tudo, agora estou dançando para minha vida


http://www.youtube.com/watch?v=FeZ5R3C5bzs

4 comentários:

Francorebel disse...

Gostei da tradução da letra (eu até hoje adoro esses filmes de dança!)e achei o seu Blog muito maneiro. Vou te seguir. Abraço!

eroticromanticvaniamara disse...

Ai amigo só vc pra me fazer retroceder e reviver momentos tão marcantes da minha vida.Este filme é uma das muitas lembranças felizes que guardo da minha juventude..

Adorei.

lopes disse...

Quase todo mundo tem um filme que de algum modo marcou asua vida!

O meu é "A Partilha", marcou minha saída de casa na adolescencia,e por conseguinte o tema do filme "Dancing days". Belas recordações!

Curti seu post,mefez recordar!

Inez disse...

Adorei o texto que fala de uma época muito importante na vida de todos nós, a época dos sonhos onde somos grandes e tudo é possível e os filmes que marcaram para todos nós.